Entrar

Exclusivo para Sócios FGCT

Modalidades

FOSSA

Para essa modalidade, é usada escopeta calibre 12. Nos torneios em fase classificatória, os homens dão tiros sobre cinco séries de 25 pratos, e as mulheres sobre três séries de 25 pratos. Na final olímpica os seis melhores classificados, homens ou mulheres, disparam sobre uma série de 25 pratos.

Características da modalidade:
Ficha Técnica
Arma: Escopeta
Calibre: 12
Choques Utilizados: 2 e 3
Munição: F 150 ( 24 gramas chumbo 7 ½ )
Alvo: Pratos
Categorias: Sênior, Damas, Júnior
Distância Inicial de Lançamento: 15 metros
Distância Final de Lançamento: 70 metros


PERCURSO DE CAÇA

Características da modalidade:
Ficha Técnica
Arma: Escopeta
Calibre: 12
Munição: Peso de chumbo: livre até 28 g. Com chumbos entre 9 e 7 ½.
Alvo: Pratos, podendo variar entre o Convencional, Batue, Lebre, Midi e Mini
Choques Utilizados: Varia de acordo com a distância do prato do Full (1 ou *) ; Improved Modified (2 ou **) ; Modified (3 ou ***) ;
Improved Cylinder (4 ou ****) ; Cylinder (5 ou *****)

Categorias: AA, A, B, C, Damas, Veteranos, Super-Veteranos e Júnior.

É efetuado uma única série de 50 pratos. São normalmente 10 etapas, valendo os 6 melhores de cada atirador.


TRAP

Características da modalidade:
Nesta modalidade utilizam-se espingardas com canos de 760, 810 ou 860mm - choque improved modified ou modified (** e ***).

É efetuado um tiro em um prato lançado a média distância do atirador. Para esta modalidade utiliza-se, com excelente vantagem, o cano Mono-Trap. A munição recomendada para esta modalidade é 24 g chumbo. O competidor atira uma vez para cada prato, a partir de cinco postos de tiro diferentes.

Legenda: A - Postos de tiro; B - Máquina lançadora de pratos e C - Prato


SKEET

Características da modalidade:
O competidor atira uma vez para cada prato, a partir de oito postos de tiro diferentes.
Nesta modalidade utilizam-se canos de 660, ou 710mm - choque cilíndrico (*****).

É efetuado um tiro em um prato lançado a curta distância do atirador. A munição recomendada para esta modalidade é o S 150 (24g chumbo 9). O competidor atira uma vez para cada prato, a partir de oito postos de tiro diferentes. Sendo que sai um prato simples e depois um doublé, variando a ordem de acordo com o posto de tiro em que se encontra o atirador.

O posicionamento da coronha é definido por uma tarja colocada no colete do atirador abaixo  do cotovelo do braço (que puxa o gatilho) completamente dobrado para cima. No momento da espera o atirador deve posicionar a coronha de maneira que a parte inferior da mesma não fique acima desta tarja. 

Obs.: Esta fita está sendo distribuída pela FGCT aos atiradores que concluírem ao menos 2 etapas do ranking gaúcho.

Mais nesta categoria: « Regulamentos Classes »

Fique informado

Cadastre-se e receba as últimas novidades da FGCT


Receber em HTML?

Visitantes

159170
HojeHoje716
SemanaSemana5495
MêsMês25394
Seu IP: 54.224.214.93

Federação Gaúcha de Caça e Tiro © Copyright | Todos os direitos reservados